Página Principal >
 
  
Use o botão verde do seu comando MEO e marque o número 493222 para ver os vídeos da TV Municipal no seu televisor
Clique para consultar a Matriz Energética de S. João da Madeira
Clique para aceder a informações sobre projetos financiados pela UE
 
Ferramenta de georreferenciação do Licenciamento Zero
Clique aqui se pretender aceder ao novo balcão eletrónico da CCDR-N
Clique aqui se pretender aceder ao site da Direção-Geral do Território
Educação e Acção Social Ambiente Desporto Cultura Capital do Calçado

  Subscreva!
Registe-se e receba as novidades da Câmara Municipal de S. João da Madeira na sua caixa de correio!

 
Bem-vindo a S. João da Madeira online!

Entidades da Protecção Civil mobilizaram cerca de 80 operacionais devido às más condições atmosféricas

2009-12-22
Da intensa precipitação que se fez sentir na madrugada e manhã desta terça-feira, em particular no Norte do País, resultaram complicações também em S. João da Madeira, concelho inserido numa zona que, no entanto, não se encontrava sob alerta.

A Autoridade Nacional da Protecção Civil já veio dizer que “não se estavam a prever efeitos como os que ocorreram” na região Norte no período em causa.

No caso concreto de S. João da Madeira, e segundo informações do Serviço Municipal de Protecção Civil, foram registados principalmente casos de inundações na via pública (com os Bombeiros Voluntários a serem chamados a rebocar três viaturas em diferentes zonas da cidade), assim como em alguns edifícios (designadamente em caves e garagens de habitações).

Houve necessidade de proceder, durante alguns períodos, a interrupções de trânsito, como aconteceu na zona em frente ao Cemitério n.º3, talvez o caso mais complicado no que se refere ao condicionamento da circulação automóvel.

Para acorrer às diversas situações foram mobilizados meios de diferentes instituições da cidade envolvidas na Protecção Civil, nomeadamente da Polícia de Segurança Pública, Bombeiros Voluntários e Câmara Municipal de S. João da Madeira, que contaram ainda com a colaboração da empresa municipal “Águas de S. João” e da concessionária da limpeza urbana no concelho (Recolte).

Ao todo, estiveram envolvidos, nas operações realizadas, perto de 80 elementos das instituições referidas, contribuindo para a normalização gradual da situação na cidade. Essas entidades da Protecção Civil municipal vão continuar atentas ao evoluir das condições atmosféricas, solicitando-se também os maiores cuidados por parte da população.

Dezembro 2009

Adicionar comentário



 
 
 Agenda cultural AMP
Agenda cultural metropolitana
 
 Destaques


Protecção Civil»

Participação/Discussão Pública»

Recursos Humanos

Em defesa do Hospital»

Ementas - Serviço de Refeições Escolares»
 

 
Separador horizontal
Clique aqui para aceder a informações sobre o Banco Local de Voluntariado
Projecto «Cuidar de Quem Cuida»
Revista sonora «Visão Inclusiva»
Recolha seletiva de óleo alimentar
Contactos | Últimas atualizações | Declaração de privacidade | Ficha técnica | Acessibilidade
Telefones úteis | Farmácias | Protecção Civil | Sugestões/reclamações | Perguntas frequentes

Todos os direitos reservados / 2005-2015 © Câmara Municipal de S. João da Madeira