Página Principal >
 
  
Use o botão verde do seu comando MEO e marque o número 493222 para ver os vídeos da TV Municipal no seu televisor
Clique para consultar a Matriz Energética de S. João da Madeira
Clique para aceder a informações sobre projetos financiados pela UE
 
Ferramenta de georreferenciação do Licenciamento Zero
Clique aqui se pretender aceder ao novo balcão eletrónico da CCDR-N
Clique aqui se pretender aceder ao site da Direção-Geral do Território
Educação e Acção Social Ambiente Desporto Cultura Capital do Calçado

  Subscreva!
Registe-se e receba as novidades da Câmara Municipal de S. João da Madeira na sua caixa de correio!

 
Bem-vindo a S. João da Madeira online!

«A poesia é para comer»: poemas, gastronomia e arte

2013-03-21
Ana Vidal e o Chef Nuno Diniz, numa sessão moderada por Suzana Menezes, da organização da Campanha Poesia à Mesa

Apresentação de livro de Ana Vidal marcou o primeiro dia da Campanha Poesia à Mesa 2013.


A XI edição da Campanha «Poesia à Mesa» de S. João da Madeira arrancou com a apresentação do livro «A poesia é para comer», de Ana Vidal, que também contou com a presença de Nuno Diniz, chefe de cozinha do restaurante «A Confraria», da York House, o Hotel mais antigo da Península Ibérica. A sessão decorreu no dia 16 de março, no espaço da Feira do Livro, com os dois convidados a manterem uma conversa informal com os presentes.

“Interessar as pessoas que nunca seriam adeptas da poesia a chegar a ela através da cozinha” foi o grande objetivo que levou Ana Vidal a juntar num livro poesia, comida e arte. A autora garantiu que aproveitou “a moda da gastronomia” e fez a sua “ligação com outras formas de arte”, permitindo assim, ao longo das páginas, que os leitores tomem contacto não só com criativas receitas culinárias, mas também com os vários géneros de poesia dos mais variados autores e estilos e algumas das principais obras de arte moderna.

Com uma carreira muito ligada à área da comunicação, da escrita criativa e da assessoria de imprensa, Ana Vidal primeiro deu forma a um projeto mais modesto. O desafio lançado a vários chefes de cozinha para que elaborassem uma receita a partir de um poema surtiu efeito e «A poesia é para comer» foi um sucesso. Galardoado com o «International Cook Book Award», o livro tem agora a nova edição brasileira de luxo.

“Um desafio” foi a definição de Nuno Dinis para a sua participação em «A poesia é para comer». Insistindo sempre que antes de mais é um cozinheiro, falou da sua experiência profissional, reconhecida internacionalmente. “A cozinha é a memória cultural mais persistente. As civilizações desaparecem, mas ela persiste”, acentuou Nuno Diniz, recordando que algumas das mais conhecidas receitas portuguesas muitas vezes têm as suas origens nos sabores e paladares de outros povos ancestrais entretanto desaparecidos.

Durante a sessão de apresentação de «A poesia à mesa» – que contou com as presenças do vice-presidente Rui Costa e da vereadora Dilma Nantes – foi ainda servido um porto de honra com biscoitos elaborados pelos alunos do Curso de Cozinha e Pastelaria do Centro de Educação Integral de S. João da Madeira. Presente também a empresa «Meio Sustento», que lançou nesse dia um novo produto, bolachas da poesia à mesa que estão à venda ao longo de toda esta semana na Feira do Livro.

Adicionar comentário



 
 
 Agenda cultural AMP
Agenda cultural metropolitana
 
 Destaques


Protecção Civil»

Participação/Discussão Pública»

Recursos Humanos

Em defesa do Hospital»

Ementas - Serviço de Refeições Escolares»
 

 
Separador horizontal
Clique aqui para aceder a informações sobre o Banco Local de Voluntariado
Projecto «Cuidar de Quem Cuida»
Revista sonora «Visão Inclusiva»
Recolha seletiva de óleo alimentar
Contactos | Últimas atualizações | Declaração de privacidade | Ficha técnica | Acessibilidade
Telefones úteis | Farmácias | Protecção Civil | Sugestões/reclamações | Perguntas frequentes

Todos os direitos reservados / 2005-2015 © Câmara Municipal de S. João da Madeira