Página Principal >
 
  
Use o botão verde do seu comando MEO e marque o número 493222 para ver os vídeos da TV Municipal no seu televisor
Clique para consultar a Matriz Energética de S. João da Madeira
Clique para aceder a informações sobre projetos financiados pela UE
 
Ferramenta de georreferenciação do Licenciamento Zero
Clique aqui se pretender aceder ao novo balcão eletrónico da CCDR-N
Clique aqui se pretender aceder ao site da Direção-Geral do Território
Educação e Acção Social Ambiente Desporto Cultura Capital do Calçado

  Subscreva!
Registe-se e receba as novidades da Câmara Municipal de S. João da Madeira na sua caixa de correio!

 
Bem-vindo a S. João da Madeira online!

Ciclo “Industrial”: empresários sanjoanenses respondem à crise

2014-09-10
Instalações da empresa Cartonagem Trindade receberam conferência inaugural do ciclo "Industrial"

Alexandre Tavares (empresa Armando Silva), Patrícia Correia (Helsar), Carlos Santos (Zarco), Pedro Ventura (Cartonagem Trindade) e Álvaro Gouveia (Clube de Empresários) participaram na conferência “Como é que a indústria resiste à crise?”, com moderação do (re)conhecido economista João Cantiga Esteves. Sanjoanenses numa conversa sobre a sua cidade e o seu tecido produtivo.
 
Num pequeno palco feito de paletes de madeira, cinco nomes ligados ao tecido produtivo de S. João da Madeira falaram sobre as suas experiências profissionais, as histórias de afirmação das suas empresas, as parcerias e amizades que desenvolveram, a cidade onde nasceram ou que os adotou e que passaram a considerar como sua, sem esquecerem os problemas e desafios que afetam a economia nacional.
 
Três empresários da área do calçado – Alexandre Tavares (Armando Silva), Patrícia Correia (Helsar), Carlos Santos (Zarco) - e Álvaro Gouveia (presidente do Clube de Empresários de S. João da Madeira) reuniram-se nas modernas e elegantes instalações fabris da Cartonagem Trindade, igualmente com a presença do anfitrião, Pedro Ventura. Com moderação do (re)conhecido economista João Cantiga Esteves, também ele sanjoanense, foi este o excelente painel de oradores convidados da primeira conferência do ciclo “Industrial”, comissariado pelo jornalista Amílcar Correia, a quem a Câmara da sua cidade natal entregou a conceção deste evento, que se prolonga praticamente até ao final do ano, incluindo novos debates com outros protagonistas, assim como exposições, música e cinema.
 
Cultura industrial
 
Com muito público, incluindo responsáveis de diferentes áreas de atividade, a conversa teve como ponto de partida a pergunta “Como é que a indústria resiste à crise?” e uma intervenção de enquadramento do Presidente da Câmara, Ricardo Oliveira Figueiredo, que sublinhou a cultura industrial dos Sanjoanenses e o facto de a mesma se interligar com um assinalável espírito inovador, realidades que se refletem atualmente na afirmação de S. João da Madeira como cidade criativa aberta ao mundo.
 
Assim se deu o mote para um serão de reflexão – com participação do público – sobre a economia sanjoanense e a sua relação com o mundo, da qual sobressaiu a atual vocação exportadora das empresas sanjoanenses e a sua crescente abertura aos mercados globais. Uma transformação que se acentuou nos últimos anos, por força da necessidade que aguçou o engenho dos empresários da cidade.
 
Mais do que um travão, a crise aparece – nas palavras destes oradores – como um desafio que os levou a procurar novas soluções, adaptando-se a uma nova realidade em que o mercado nacional deixou de poder ser a zona de conforto de outros tempos. Foi preciso arriscar – com determinação inabalável – na descoberta de novos destinos para os seus produtos, investindo fortemente na qualidade, na inovação e na resposta às necessidades concretas de cada cliente.

30 anos de cidade
 
Neste ano de 2014, em que S. João da Madeira está a assinalar os 30 anos da sua elevação a cidade, o ciclo “Industrial” visa comemorar a essa efeméride, refletindo sobre a história sanjoanense – em especial das últimas três décadas – e abrindo janelas sobre o futuro. Como diz Amílcar Correia, “não há, porventura, outra cidade no país que possa reivindicar para si esse estatuto de cidade industrial”.
 
A próxima iniciativa inserida neste ciclo comemorativo são a inauguração de uma exposição de pintura de José Emídio, a 19 de Setembro, às 18h30, na galeria dos Paços da Cultura de S. João da Madeira, onde poderá ser visitada até 5 de novembro. Segue-se, a 23 de setembro, às 21h30, a conferência “Qual é o papel do design nas estratégias de sucesso das empresas?”, a realizar na Oliva Creative Factory.

Adicionar comentário



 
 
 Agenda cultural AMP
Agenda cultural metropolitana
 
 Destaques


Protecção Civil»

Participação/Discussão Pública»

Recursos Humanos

Em defesa do Hospital»

Ementas - Serviço de Refeições Escolares»
 

 
Separador horizontal
Clique aqui para aceder a informações sobre o Banco Local de Voluntariado
Projecto «Cuidar de Quem Cuida»
Revista sonora «Visão Inclusiva»
Recolha seletiva de óleo alimentar
Contactos | Últimas atualizações | Declaração de privacidade | Ficha técnica | Acessibilidade
Telefones úteis | Farmácias | Protecção Civil | Sugestões/reclamações | Perguntas frequentes

Todos os direitos reservados / 2005-2015 © Câmara Municipal de S. João da Madeira