Página Principal >
Educação e Acção Social Ambiente Desporto Cultura Capital do Calçado

Subscreva!
Registe-se e receba as novidades da Câmara Municipal de S. João da Madeira na sua caixa de correio!

S. João da Madeira Notícias

Grandes tesouros da arte bruta para descobrir no Núcleo de Arte da Oliva

2016-06-14
Coleção Treger/Saint Silvestre reúne pinturas, desenhos e esculturas de autores sem ligação ao meio artístico
 
Novas exposições com obras da Coleção Treger/Saint Silvestre, um dos mais impressionantes acervos privadas das chamadas artes marginais a nível internacional.
 
No mapa mundial dos maiores tesouros das chamadas “artes marginais” há um lugar de destaque para o Núcleo de Arte da Oliva Creative Factory, em S. João da Madeira. Na Península Ibérica não há mesmo outro espaço museológico dedicado a essas obras nascidas do génio atormentado de artistas marginais de todo o mundo. Essas antigas instalações da emblemática metalúrgica Oliva, reconvertidas pelo Município sanjoanense à promoção da arte e da criatividade, acolhem um dos mais impressionantes acervos de Arte Bruta e Arte Singular à escala global: a Coleção Treger/Saint Silvestre.
 
Foi aí que, no dia 18 de junho, abriram ao público duas novas exposições com base nessa coleção invulgar que reúne pinturas, desenhos e esculturas de autores sem qualquer ligação ao meio artístico, muitos deles internados em hospitais psiquiátricos. “Arte Bruta: Uma História de Mitologias Individuais” é comissariada pelo curador francês Christian Berst. “Acordar, sair, caminhar, desacelerar… olhar, parar. Olhar de novo”, centrada na Arte Singular, é comissariada pela curadora italiana Antonia Gaeta.
 
Recorrendo ao que o grande curador de artes suíço Harald Szeeman (1933-2005) qualificou de “mitologias individuais”, Christian Berst explica que a exposição “Arte Bruta: Uma História de Mitologias Individuais” tem a “função principal de mostrar como as obras de Arte Bruta apresentam sobretudo uma tentativa de esclarecimento do mistério da vida”.
 
Por seu lado, Antonia Gaeta revela que as obras da exposição de que é curadora “representam um conjunto complexo submetido a uma certa ideia de organização, regras, proibições, deveres e responsabilidades, mas também possibilitam o seu contrário mostrando alguma displicência e hilaridade das dinâmicas do urbano, o fantasioso, o grotesco, o labor e o emprego disfuncional do tempo."
 
Na base destas exposições está uma coleção privada de cerca de 1000 obras reunidas ao longo de quatro décadas por Richard Treger (músico natural do Zimbabué, com nacionalidade irlandesa) e António Saint Silvestre (escultor luso-francês). Um acervo que se encontra cedido em depósito ao Município de S. João da Madeira para que possa ser mostrado ao público no Núcleo de Arte da Oliva Creative Factory, dirigido pela curadora Raquel Guerra.   
 
“A cidade de S. João da Madeira está nos roteiros internacionais da arte bruta, graças a esta extraordinária coleção, única em toda a Península Ibérica”, sublinha o Presidente da Câmara, Ricardo Oliveira Figueiredo, sublinhando que o investimento na cultura é encarado pela autarquia sanjoanense como fator de “valorização individual e coletiva” e de “melhoria da qualidade de vida”. E é também uma forma de “reforçar a atratividade e centralidade da cidade, constituindo assim um meio de promoção da economia”.
 
As exposições:
“Arte Bruta: Uma História de Mitologias Individuais”
Curadoria: Christian Berst
Patente até 26 de fevereiro de 2017.
“Acordar, sair, caminhar, desacelerar… olhar, parar. Olhar de novo”
Curadoria: Antónia Gaeta
Patente até 23 de outubro de 2016.

Adicionar comentário


“Gargalhão” decorre de 15 a 18 de novembro
saiba mais
 
S. João da Madeira acolhe simpósio internacional de cinema
saiba mais
 
Município vai ter plano de inclusão social de cidadãos sem abrigo
saiba mais
 
Câmara vai elaborar código de conduta
saiba mais
 
Conceituado fotógrafo britânico capta imagens nas fábricas do Turismo Industrial
saiba mais
 
Projeto Rios apresentado a professores e instituições da cidade
saiba mais
 
Festival vegetariano citadino e descomplexado atraiu muito público à Oliva Creative Factory
saiba mais
 
Designers israelitas de chapéus e sapatos mostram o seu trabalho criativo em S. João da Madeira
saiba mais
 
Grande prémio de atletismo com cerca de 800 participantes
saiba mais
 
Arte africana para ver no Núcleo de Arte da Oliva Creative Factory
saiba mais
 
“Limiar da Vida”: nova exposição da Coleção Norlinda e José Lima
saiba mais
 
Boa música, muita diversão e convívio na segunda edição do "Toca a Falar"
saiba mais
 
 


+ notícias
Separador horizontal
Contactos | Últimas atualizações | Declaração de privacidade | Ficha técnica | Acessibilidade
Telefones úteis | Farmácias | Protecção Civil | Sugestões/reclamações | Perguntas frequentes

Todos os direitos reservados / 2005-2015 © Câmara Municipal de S. João da Madeira