Página Principal >
 
  
Use o botão verde do seu comando MEO e marque o número 493222 para ver os vídeos da TV Municipal no seu televisor
Clique para consultar a Matriz Energética de S. João da Madeira
Clique para aceder a informações sobre projetos financiados pela UE
 
Ferramenta de georreferenciação do Licenciamento Zero
Clique aqui se pretender aceder ao novo balcão eletrónico da CCDR-N
Clique aqui se pretender aceder ao site da Direção-Geral do Território
Educação e Acção Social Ambiente Desporto Cultura Capital do Calçado

  Subscreva!
Registe-se e receba as novidades da Câmara Municipal de S. João da Madeira na sua caixa de correio!

 
Bem-vindo a S. João da Madeira online!

JMP aprovou contraproposta a apresentar ao governo

2007-03-19
A Junta Metropolitana do Porto (JMP) aprovou hoje por unanimidade, em reunião extraordinária, a contraproposta a apresentar na próxima terça-feira, dia 20 de Março, ao Ministro das Obras Públicas e Transportes, Mário Lino, sobre o desenvolvimento da segunda fase da rede do Metro do Porto.

O Presidente da JMP, Rui Rio, informou, contudo, que não seria «eticamente correcto» revelar publicamente o conteúdo do documento antes da reunião com aquele membro do Governo, o qual será, todavia, enviado ao Ministro ainda antes do encontro, no Porto.

Para além de alguns pequenos ajustes de pormenor, ao nível da redacção do texto, subsiste apenas a necessidade de reconfirmar, junto dos serviços da Metro do Porto, algumas informações de carácter técnico relativas à construção das novas linhas, tais como, por exemplo, se as obras são exequíveis dentro dos prazos apontados, ou se não será melhor dilatá-los mais um pouco por uma questão de prudência.

Rui Rio esclareceu que a principal divergência entre as duas propostas reside no facto de o Governo pretender arrancar com as obras todas ao mesmo tempo no segundo semestre de 2009, portanto após as ligações autárquicas, enquanto a JMP advoga que as mesmas devem começar o mais rapidamente possível.

«A nossa preocupação é responder àquilo que sentimos ser o mais importante para as populações. Para as populações, o mais importante não é saber quantos autarcas ficarão no Conselho de Administração da Empresa, mas sim a realização das obras», acentuou o Presidente da JMP.

O que estará, no dia 20, em cima da mesa são, como se sabe, quatro pontos: o capital social da Empresa do Metro do Porto, a composição do seu Conselho de Administração, o modelo de financiamento e a calendarização das obras.

Fonte: www.cm-porto.pt


Adicionar comentário



 
 
 Agenda cultural AMP
Agenda cultural metropolitana
 
 Destaques


Protecção Civil»

Participação/Discussão Pública»

Recursos Humanos

Em defesa do Hospital»

Ementas - Serviço de Refeições Escolares»
 

 
Separador horizontal
Clique aqui para aceder a informações sobre o Banco Local de Voluntariado
Projecto «Cuidar de Quem Cuida»
Revista sonora «Visão Inclusiva»
Recolha seletiva de óleo alimentar
Contactos | Últimas atualizações | Declaração de privacidade | Ficha técnica | Acessibilidade
Telefones úteis | Farmácias | Protecção Civil | Sugestões/reclamações | Perguntas frequentes

Todos os direitos reservados / 2005-2015 © Câmara Municipal de S. João da Madeira