Recolha seletiva de biorresíduos

Câmara Municipal vai desenvolver um programa de recolha seletiva de biorresíduos

S. João da Madeira tem o objetivo de ser uma cidade verde e cumprir todas as metas em matéria de resíduos sólidos, melhorando o sistema de recolha seletiva.

Em 2021, a Câmara Municipal dá mais um passo nesse sentido, com o desenvolvimento de um programa de recolha seletiva de biorresíduos (nomeadamente, restos de refeições) e o seu envio para valorização, na sequência da aprovação de uma candidatura da autarquia a fundos comunitários.

Este projeto vai permitir a redução da deposição de resíduos em aterro e o aumento da recolha seletiva e da reciclagem, possibilitando, por exemplo, a criação de composto fertilizante para plantas.
 

ambiente