S. João da Madeira integra o conjunto de 30 municípios em situação de alerta

Em função da evolução da pandemia da Covid-19 e dos critérios associados à matriz de risco implementada pelas autoridades de saúde, o Conselho de Ministros realizado esta quinta-feira, 15 de julho, informa em comunicado que aprovou uma resolução que coloca S. João da Madeira num conjunto de 30 concelhos que ficam em alerta por registarem pela primeira vez uma taxa de incidência superior aos limiares definidos para o patamar de risco baixo a moderado (até 120 casos por 100 mil habitantes).

Embora em situação de alerta, esses 30 municípios continuam abrangidos pelas medidas de desconfinamento que entraram em vigor em 14 de junho. Os 30 concelhos em alerta são os seguintes: Águeda, Alcoutim, Aljustrel, Amarante, Anadia, Cadaval, Caldas da Rainha, Castelo de Paiva, Estarreja, Fafe, Felgueiras, Guarda, Marco de Canaveses, Marinha Grande, Mogadouro, Montemor-o-Velho, Murtosa, Ourém, Ovar, Paços de Ferreira, Penafiel, Santa Maria da Feira, São João da Madeira, Serpa, Valpaços, Viana do Castelo, Vila do Conde, Vila Real, Vila Viçosa e Vizela.

Saiba mais em https://covid19estamoson.gov.pt/desconfinamento-atualizacao-15-de-julho/?fbclid=IwAR1PUMcLIZ2h4Aih6WCEDcW9X8GkxM2oTXDpTOoFCoBfX6pXlxaE1V_7OC8

município