Apoio para coro de Associação de Solidariedade Social dos Professores

Grupo constituído por cerca de 40 elementos registou intensa atividade em 2023.

A Câmara Municipal de S. João da Madeira aprovou a atribuição de um subsídio à Associação de Solidariedade Social dos Professores (ASSP), para apoio ao desenvolvimento da atividade do seu coro, recentemente formado.

A ASSP, através da sua delegação distrital de Aveiro, está representada em S. João da Madeira desde 2014, proporcionando a crianças e jovens o apoio ao estudo, com atividades para o pré-escolar.

Constituído por cerca de 40 elementos, o Coro da ASSP tem registado um incremente do número de convites à sua participação a nível nacional e no estrangeiro, representando, dessa forma, o município de S. João da Madeira.

Atendendo também à disponibilidade do Coro da ASSP ?para atuar em iniciativas promovidas pela Câmara Municipal ou pela Assembleia Municipal de S. João da Madeira, o apoio aprovado consiste na atribuição de um subsídio de 1500 euros.

Como se pode ler na proposta que foi votada por unanimidade em reunião camarária, o coro da ASSP registou “uma atividade intensa em 2023, desempenhando um papel importante na divulgação e promoção da cultura e representando o município em distintos locais a nível nacional e internacional”.

“À semelhança do apoio de damos ao Coro de Câmara e à Tuna dos Voluntários, entendemos ser de valorizar esta atividade, estimulá-la, para que ela se consolide”, sustentou o presidente da Câmara Municipal de S. João da Madeira, Jorge Vultos Sequeira.

janeiro 2024

município