Recolha seletiva de biorresíduos porta-a-porta em S. João da Madeira

Código do projeto | POSEUR-03-1911-FC-000277

Objetivo principal | Proteger o ambiente e promover a eficiência dos recursos

Região de intervenção | NORTE

Entidade beneficiária | Município de S. João da Madeira

 

Data de aprovação |22-06-2020

Data de início | 01-09-2020

Data de conclusão | 30-06-2023

Custo total elegível | 119 522,42 EUR

Apoio financeiro da União Europeia | FC – 101 594,06 EUR

Objetivos, atividades e resultados esperados/atingidos: Esta operação propõe a implementação de investimentos de forma a cumprir e superar as metas de preparação para reutilização e reciclagem e de desvio de RUB de aterro, previstas no PERSU2020 e nas Diretivas Comunitárias.

A operação “Recolha seletiva de biorresíduos porta-a-porta em S. João da Madeira” é uma iniciativa da Câmara Municipal de S. João da Madeira, que visa a implementação da recolha seletiva de biorresíduos, no setor doméstico e não doméstico, recorrendo à recolha porta-a-porta: - No setor doméstico a operação beneficiará 1600 alojamentos com recolha seletiva porta-a-porta. Os equipamentos consistem em baldes de 10 litros, para alojamentos unifamiliares e sempre que a produção seja reduzida, e baldes de 23 litros para alojamentos com maior produção de biorresíduos. - No setor não doméstico (inclui apenas os produtores com menos de 1100 litros por dia) serão abrangidos 219 produtores, aos quais serão fornecidos contentores de 120 litros para recolha seletiva porta-a-porta. Assim, a operação consiste na aquisição e instalação dos seguintes equipamentos: - 1819 Contentores específicos para cada setor, equipados com sistema de acesso por chip; - 1 Veículo para a recolha de biorresíduos, com uma dimensão adequada ao tipo de resíduos; - Tecnologias de informação e comunicação (Tags RFID, App, sistema sms), incluindo a aquisição de software inovador, para controlo de todo o processo; - Campanha de comunicação e sensibilização fundamental para envolver os cidadãos, as instituições e os setores abrangidos, incentivando a prevenção, a reciclagem e o desvio de aterro; - Estudo “Implementação da Recolha seletiva porta-a-porta de biorresíduos” necessário para a integração da recolha de biorresíduos na esfera operacional da Câmara Municipal de São João da Madeira.