S. João da Madeira celebra 92 anos da sua emancipação concelhia

Município de S. João da Madeira celebra 92 anos com cultura, desporto e empreendedorismo

Município sanjoanense foi criado em 11 de outubro de 1926.

Nesta quinta-feira, 11 de Outubro, S. João da Madeira comemora o 92.º Aniversário da sua emancipação concelhia, estando a Sessão Solene comemorativa marcada para as 11h30, no edifício da Câmara Municipal, que abrirá com o hastear de bandeiras, momento que contará com a presença dos Bombeiros Voluntários da cidade.

À tarde, são inauguradas as novas exposições do Museu da Chapelaria e do Museu do Calçado, respetivamente “Estibalitz Diaz de Durana. Entre Chapéus e sonhos” (14h00) e “Elevado. O calçado de Carolin Holzhuber” (14h40). Por razões de agenda de última hora, que impossibilitam a presença do Ministro da Cultura, o Governo far-se-á representar pela Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo.

Nestas inaugurações vão estar também as autoras das criações expostas: as designers Estibalitz Diaz de Durana Arias, de Espanha, e Carolin Holzhuber, da Áustria, que pela primeira vez mostra do seu trabalho em Portugal.

As iniciativas programadas para esta quinta-feira, Feriado Municipal, completam-se com a celebração do 10.º aniversário da Sanjotec – Parque de Ciência e Tecnologia de S. João da Madeira, que, às 18h00, abrirá as suas instalações à comunidade, convidando todos os sanjoanenses a participar nas celebrações destes 10 anos, nas quais o Governo é representado pelo Secretário de Estado da Proteção Civil, Artur Neves.

Novo campo de jogos e homenagem aos campeões

Na sexta-feira, 12 de outubro, será o desporto a estar em destaque, com a inauguração do novo Campo de Jogos das Travessas, às 19h00, e com a realização da Gala dos Campeões, na Sala dos Fornos da Oliva Creative Factory, com início às 21h00. Ambos os momentos, contam com a presença do Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo.

No sábado de manhã, são inaugurados espaços lúdicos na Rua José Régio, no Parrinho, e na Rua Manuel Luís da Costa, em Fundo de Vila. A primeira sessão está marcada para as 10h00 e a segunda para as 11h30. Pelo meio, às 10h30, são inaugurados os novos pavilhões do Edifício 3 da Oliva Creative Factory.

Ao final da tarde e na noite de 13 de outubro, o desporto volta a marcar as comemorações da Emancipação Concelhia, com a realização, a partir das 19h00, do Grande Prémio Internacional de Atletismo Alberto Batista, prova com grandes tradições e que passa agora a ter o nome do seu grande mentor, inesperadamente falecido no início deste ano, numa homenagem do Município de S. João da Madeira.

O percurso do Grande Prémio será este ano diferente, com a partida instalada na Avenida Dr. Renato Araújo, na zona do Mercado Municipal, e passagem perto da casa de Alberto Batista. Nesse sentido, a organização solicita atenção aos condicionamentos à circulação automóvel que se farão sentir nesse dia, agradecendo a melhor compreensão de todos.

Emancipação concelhia

S. João da Madeira conquistou a sua independência por decreto datado de 11 de outubro de 1926, sendo assim criado o município sanjoanense, refletindo o grande desenvolvimento que a então vila já registava.

Nesse documento, o novo concelho era já descrito como o “centro industrial mais importante do distrito de Aveiro”, reconhecendo-se que o seu progresso económico e social estava a ser “prejudicado, sufocado pela sua inferior categoria administrativa”.


10 de outubro de 2018?

 

município