Núcleo de Arte da Oliva expõe Os animais que ao longe parecem moscas (CVÍDEO)

Obras de João Maria Gusmão e Pedro Paiva, artistas internacionalmente reconhecidos. Uma exposção que conta com a participação da Coleção "Norlinda e José Lima".

Reunindo trabalhos de João Maria Gusmão e Pedro Paiva, parte dos quais integrada na Coleção "Norlinda e José Lima", a exposição "Os animais que ao longe parecem moscas" pode ser visitada no Núcleo de Arte da Oliva Creative Factory, em S. João da Madeira.

São mais de 40 peças definidas como "um conjunto de ventos, eletrodomésticos, seres e coisas recolhidas nos bastidores dos filmes" realizados por João Maria Gusmão e Pedro Paiva. Várias das peças são "inéditas", sendo que a mostra inclui filmes e esculturas cinéticas, assim como "objetos e artefactos que ora foram protagonistas, ora serviram como figurantes" nos filmes desta dupla, que os afirmaram em importantes exposições internacionais.

Selecionados diversas vezes para representar Portugal em importantes bienais de arte, o jornal britânico "The Guardian" apontou-os mesmo, em 2015,  como autores de uma das dez melhores exposições do ano: a mostra "Papagaio", que esteve patente em Milão, Berlim e Londres.

cultura